segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

7:10 AM.

Faltam uma semana e meia para começar tudo de novo. Tenho que chegar na escola 7:10 da manhã, ou melhor, tenho que entrar na aula essa hora. São 7:09 e lá estou eu, descendo do carro e andando igual um pingüim apressado. Toda manhã é assim: “Vamos, Ritinha! Está atrasada de novo, hein?” É o porteiro da escola, e eu com o meu humor matinal só digo um ‘oi’, ignorando a bronca. Às vezes quero ser mais simpática, mas não dá! Não consigo juntar as duas coisas que menos suporto (ser apressada e acordar cedo) e ainda ser simpática.
Meu cabelo provavelmente estaria horrível se não fosse 20ºC lá fora e eu mesmo assim não tivesse lavado minha cabeça. Ele me odeia, por mais que eu passe creme e penteie, ele arma, e é logo de manhã! Durante a tarde ele está bom, ainda acredito que isso só pode ser conspiração.
Mas, o cabelo é o de menos, todo dia tem alguma aula que não goste para atrapalhar, ou quando chegar em casa uma bronca do meu pai por ir dormir tarde, acordar seis horas da manhã e mesmo assim chegar na escola exatamente 7:10. É sempre assim, isso quando eu não quase tropeço, ou acontece igual o dia que por, no máximo, dois centímetros, eu não levei uma portada (de um Mercedes) na cara por pura falta de atenção. E se eu correr, pior! Me embolo toda e pareço uma louca, acho que vou tropeçar se fizer isso.
Eu tento ser mais rápida e obedecer ao horário imposto, mas sou lerda demais, é logo cedo, eu não penso! Mas, enquanto o dia 5 de fevereiro não chegar eu continuo prometendo para mim mesma que esse ano cuidarei melhor do meu cabelo para não ter que lavá-lo todo dia e perder hora por causa disso, passar de ano no 3º bimestre, e o mais difícil: não chegar atrasada e não tentar desafiar o relógio descendo do carro 7:09 para chegar do outro lado da escola (que é imensa) e estar na minha carteira às 7:10 da manhã; porque isso é basicamente impossível. Mas, em fim, acabo deixando essas promessas para eu mesma, porque sei que prometendo isso pros meus pais, acabo virando política.

9 comentários:

εïз Deca. disse...

HAHAHA,ai Marry...tu me mata de rir. :D

Okay..que posso dizer?Se passo por tudo isso?

*Tirando a parte de acordar cedo,pois da tarde eu não saio,da tarde ninguém me tira!

Boa sorte em mais uma jornada,
pois a minha já começa SÁBADO. x(

Calvin disse...

hahahahahahhahaha
Graças estou no ultimo ano (se bem que ainda não consigo imaginar minha vida sem ter que ir pra escola, esquisito, não?? vai entender quando estiver no 3°) enfim, chegou ao final dessa vida de acordar cedo, encontrar o porteiro,aula de geografia, historia, literatura, matematica. Pelo menos pra mim, ou quase acabou.. ainda tenho 365 dias de muito sofrimento em aulas ¬¬.
Boa sorte pra você nesse ano Marry e estarei aqui pra ouvir suas historias na escola e, principalmente, rir delas!!Cumpra MESMO apromessa, hein? Um beijo ;)

Emy (Campainha Imperial) disse...

Eu também quero saber das histórias da escola!! hahahaa
beijoss

Liiia disse...

Se a escola não fosse o melhor lugar do mundo para estar com gente e descobrir coisas novas ela NÃO EXISTIRIA, fato**

beijoos :*

Thais disse...

haha, Marry! tu é muito figura!!! aaaah, e aproveita essa semaninha e meia então! xD

Aliás, adoreeei teu blog!
tu escreve muuito!! fofa!

beeijos ;*

Isadora disse...

Marry, nossos cabelos e horários de escola conspiram contra a gente! Acontece o mesmo comigo.

ahuahuahuahau

Beijos, estarei torcendo por ti.

débii disse...

Tu escreve bem Marry, gosteei do teu Blog! VOu vir aqui mais vezes, se minha super memória de peixinho dourado permitir que eu lembre.
E eu faço a mesma coisa, acordo cedo pra caramba mas sempre chego tarde.

Leninha.! disse...

adorei teu blog...e me acabei de rir lendo esse post seu...a e ñ fique triste não sorte sua que as aulas só começam dia 5 por que as minhas são dia 2

té mais
bjin

Maria Rita disse...

Hey Leninha :D
ahahahahahahaha, aah, o pior foi a quase portada na cara, mas tudo bem!
Ah, cara! Por incrivel que apareça eu quero que começo logo.

hehehe, beijão!