domingo, 10 de maio de 2009

Amor?

“Será que um dia amo alguém que me ame? Será que vou me casar e ser feliz? Será que o horóscopo é tão idiota quanto eu penso? Será que existem potes de ouro ao fim do arco-íris? Será que a 3ª lei de Newton funciona apenas para objetos (e não para amores)? Será que os filósofos descobrem tudo? E as cartomantes? Será que um dia vou deixar de ter duvidas?”
Ela era somente uma garotinha confusa demais, desligada, agitada, indecisa, muito pequena para possuir duvidas tão grandes. Essa garota não sabia de tudo, mas não desconhecia o mundo inteiro, ela apenas se incomodava por não saber se amor recíproco existia, se iria acontecer com ela ou algo parecido, pois para ela era impossível, seria sorte demais alguém olhar para ela igual ela olha para esse alguém. Era distante e estúpido demais acreditar nisso, era o mesmo que acreditar que havia potes de ouro no fim de cada arco íris, e que as cartomantes estavam certas quando disseram das linhas sobre as mãos dela. Então algo inesperado aconteceu, o amor recíproco aconteceu exatamente com ela, e foi algo estranho, ela era confusa demais para isso, problemática demais e indecisa demais, e ao mesmo tempo sabia ser fofa e tudo o mais, e a hora que a ficha dela caiu, ela não acreditou em cosmos, cartomantes ou potes de ouro no final, mas acreditou no amor, isso a fazia dar valor a todas essas coisas juntas.Estranho e bobo demais para ela. Será que ela não exagera em nada? Afinal, o amor é algo tão estranho assim?

7 comentários:

Danny Willows disse...

Amor...o que dizer sobre o amor? às vezes tentamos explicar, muitas vezes tentamos entender...Mas não há definição.Quando ele te pega, é algo inexplicável. Só aí é que vamos realmente descobrir que força é essa.

Fico feliz por ter encontrado seu amor recíproco! E desejo que este alguém te ame tanto quanto você merece!!
Felicidades!!

E parabéns por mais um ótimo texto!!

Angel Of the Night disse...

Nossa, mais um texto maravilhoso seu! O que dizer dele? *-* que eu simplesmente adoray! É, o amor é complicado demais... Acho que não devemos ter medo dele, e sim, Vivê-lo ao en vez de tentar entender!
Te amo. Bjuss
Laris

ℓiiα, ♥ disse...

Eu espero que a garotinha pequena que achou o amor recíproco, seja você! :D

beeeijos. ;*

Calvin disse...

Eu não sou a pessoa mais indicada para falar sobre amores, mas a amor nesse seu jeito incrivel de falar sobre as coisas até que fez sentido. Porque o amor, está, de fato, na reciprocidade.
Muito bom o texto!
Adoro-te =)

- Lorenna R. disse...

"Por ser exato, o amor não cabe em si.."♪
Pow, o amor é lindo, recíproco ou platônico, é sempre uma novidade . Mesmo tão banalizado hoje em dia..

Amey !
;*

- Lorenna R. disse...

Ah! meeu blog:
http://lohzittha.blogspot.com

J. disse...

Seus textos, muito bons. Se voce conseguir dá uma olhada no meu blog? Não sei se voce vai gostar, mas vale tentar.

http://umanovahistoriaparaserlembrada.blogspot.com/

Beijos.