quinta-feira, 14 de maio de 2009

Sexo, sexo e sexo!

Ah, sexo?!

Acabei de falar agora mesmo sobre isso.
Tudo começou quando tinha 5 anos de idade e eu e minha turminha do pré (precocidade?! imagina²!) viamos aquelas novelas mexicanas onde a mulher roubava o marido de outra e eles apareciam na cama abraçados e sem camisa ou até mesmo transando... Então aquilo era O assunto entre nós. Não me lembro de ter feito a clássica pergunta aos meus pais sobre o que era sexo ou como os bebês nasciam, sempre fui do tipinho que descobre tudo sozinha, e sempre via jornais dizendo sobre partos, novelas e tudo mais do lado deles, e sempre conversamos com naturalidade sobre o assunto.
Só fui ter um pouco de vergonha de falar sobre beijo, namoro e sexo depois que mudei de ambiente, cidade e pessoas ao redor, então não falava muito sobre essas coisas porque nem sabia direito o que a maioria achava sobre isso e mesmo assim falava vezes ou outras, mas prefiria muito mais ouvir sobre sexo do que falar. Daí veio o quarta série, o capitulo-mais-que-esperado-da-apostila sobre relações sexuais e então percebemos que sexo é uma coisa bem normalzinha e que não precisamos ter vergonha de falar.
Hoje em dia todo assunto é sexo, na aula de quimica, matemática, ed. fisica, fisioterapia... todos os acasos (planejados ou nao) levam à sexo, sexo e sexo.
Afinal, quando não há nada para falar ou fazer (mesmoquetenha), vamos falar de sexo, oras! A gente ainda tem todo esse tabu de falar baixo ou ficar quietos quando alguém passa porque acho que as pessoas ainda não se acostumaram com o fato de que falar sobre sexo não é nenhuma besteira, nem sacanagem. Aliás, acho que temos tanta curiosidade de falar sobre sexo justamente porque muitas pessoas reprimem tudo o que tem a ver com o assunto.

Pauta para o Tudo de Blog.

P.S.: Amanhããã Hopi Hari! Gente, terça feira eu fui premiada por ter sido a 3º colocada em nível estadual (Estado de SP inteeeeeeiro) no concurso de redação dos Correios, a sessão solene durou uma hora (ou mais), com 150 alunos assistindo (8º e 9º anos) e todo mundo gritando meu nome. Fui homenageada pela professora, diretor, diretor de vendas dos Correios, tive que ler minha redação. Aaah! Tinha TANTA gente importante lá! Sai na televisão (foi algo de 4 minutos!), em todos jornais da cidade e tudo maais²!

5 comentários:

Jana Barreto* disse...

hahaha..adoreiii..parabéns por ter ganho o concurso...^^

Calvin disse...

Seus post's recentes: amor e sexo. Isso me lembra a Rita Lee.
Ah,sim, vale lembrar que sem sexo ninguém estaria vivo, né?!

Dedé disse...

Hopi Hary? Socorro! [eu sei, eu sou um nojo até com o HH UHSAUHSA]
Mas se divirta lah!

Dedé disse...

mais uma coisa: sexo, sexo, sexo... todo casto!

ℓiiα, ♥ disse...

Ah, o amor... o sexo... {Rita Lee}
Adorei o post, Marry.
E bom Hoppy Hary!