sábado, 8 de agosto de 2009

Ansiosa compulsiva.

Acho que sou uma das garotas mais ansiosas do mundo. Do tipo de pessoa que vive todas as vinte e quatro horas do dia com o coração na mão, e mesmo quando estou acomodada em algo, faço questão de ficar esperando o tempo passar, como se ele fosse interminável. Fico procurando o tempo todo algo para comer, bolachas e torradas, refrigerantes e leites já me entediaram faz tempo. E a ansiedade continua tão grande que agora morro de fome por comidas inexistentes. Fico no grupo dos ansiosos compulsivos, daqueles tipos que fazem contagem regressiva para tudo. A minha mania atual é fazer contagem regressiva desde quando as coisas estão começando, até elas acabarem; e quando eu acho que contar dias está longo e frustrante demais, eu começo a contar horas (da ultima vez que vi, faltavam 240 horas* para recomeçar as aulas!), os minutos, os segundos. Planejo a semana inteira, somente para no fim das contas eu me dizer: “Viu? Já acabou, criatura! Nem foi tão interminável assim...”. Com tanta ansiedade, não há estomago que agüente, já fui ao médico muitas vezes por causa disso, dessa ansiedade por absolutamente tudo. E, para ser sincera, estava ansiosa para fazer esse texto também.

* 240 horas equivalem à 1440 jogos de Tony Hawk, de dez minutos, com dois players.
Tony Hawk é muuuuuuuuito bom. E eu sei, tenho um jeito bizarro de contar.

3 comentários:

Viick' disse...

Eu tenho uma mania doida de planejar tudo o que vai acontecer.
tp,se amanhã eu vou no shopping,fico imaginando como vai ser o dia,o que eu vou conversar,com quem vou conversar...
Sou Hiper-Mega-Power-Ultra-Ansiosa.
Oo'
É bom saber q eu não sou a única!

**;

Calvin disse...

an.si.e.da.de
s. f. 1. Ânsia. 2. Psicol. Estado emotivo caracterizado por um sentimento de insegurança. 3. Maria Rita.

É exatamente isso, você é, de fato, a ansiedade em pessoa. Esse tema não caberia melhor a ninguém, se não tu, Marry!
Adoro-te! (comentei longo antes que você morra de ansiedade e me chame atenção que eu ainda não comentei aqui! hahaha)

Milla disse...

eu sou extremamente ansiosa, do tipo que não dorme se alguma coisa está para ser resolvida no outro dia e daquela que devora as unhas e arranca o esmalte em questão de segundos! mas tamanha ansiedade muitas vezes me foi muito útil, pois é as vezes coisas bobas salvam a gente ;)

adorei seu texto!


beijos